Capacidade de tomar decisões parece ser uma coisa tão simples, mas não é!

Em uma enquete que fiz em meu Instagram: @fabianemsiqueira, 73% afirmaram que tomam decisões e se arrependem depois.

Porque isso acontece?

1-Porque há dificuldade em identificar e acolher as emoções, assim como as emoções das outras pessoas.

Essa dificuldade ocorre porque há uma predominância dos sentimentos negativos e de ações reativas a essas emoções. Nesses casos aumenta bastante a probabilidade de fazer algo e se arrepender depois

 

2- Não ter opinião definida

Não ter opinião definida permite que haja uma forte influência pelo que outras pessoas pensam ou falam, ou seja, toma decisões pautadas em contextos externos sem buscar saber a fonte / origem da informação. É muito provável que a pessoa se envolva com rumores, fofocas e opiniões alheias.

 

3- Não confiar em si mesmo.

Quando não há confiança em si mesmo, dependendo de como recebe as informações externas, pode prejudicar a autoestima. Esse processo ocorre porque há uma destruição da autoconfiança através de opiniões rasas ou até mesmo de ridicularizações de pessoas invejosas. Também pode haver influência de pessoas que acham que estão ajudando, mas no fundo não estão.

 

Então o que fazer para tomar decisões mais assertivas?

 

1- Se apropriar do assunto com profundidade e tomar decisões rápidas.

Quando há conhecimento do assunto que esteja sendo tratado, o nível de confiança aumenta, mesmo que esteja sobre pressão. A probabilidade de tomar uma decisão mais assertiva será muito mais alta.

 

 

2- Confie em si mesmo.

Mesmo que precise buscar informações de fontes externas, avalie, análise e tome sua decisão. Na dúvida não decida sob pressão ou com sentimentos aflorados.

 

3- Busque autoconhecimento

O autoconhecimento proporciona recursos para que saiba como gerenciar suas emoções, como se comunicar e se responsabilizar por suas decisões ao invés de terceirizar seus fracassos para outras pessoas!

 

Escrito por:

Fabiane Moraes de Siqueira

Psicóloga e Palestrante

Acompanhe também:

Links redes sociais: https://linktr.ee/fabianemsiqueira